Processo de Certificação

1º ano

2º ano

Ocorre em até 90 dias
após a Fase1.
A data do último dia
de auditoria estabelece os
prazos do ciclo de auditoria.

Validade de 3 anos a partir da data de decisão da certificação (data em que a recomendação de certificação dada pelo Auditor Líder é validada, após trâmite interno na LHS).

12º mês

Deve ocorrer em no máximo 12 meses
a partir do último dia de auditoria da Fase 2,
com antecipação máxima de 90 dias ou adiantamento
máximo de 60 dias (neste último caso com suspensão
do certiricado a partir do primeiro dia de atraso).

24º mês

Deve ocorrer em no máximo 24 meses
a partir do último dia de auditoria da Fase 2,
com antecipação máxima de 90 dias ou adiantamento
máximo de 60 dias (neste último caso com suspensão
do certiricado a partir do primeiro dia de atraso).

3º ano

Deve ocorrer, sempre que possível, com 60 dias de
antecedência da data de validade do certificado.

Clique nos eventos da certificação e saiba mais sobre cada processo.

Descrição do Processo de Certificação

  • Pré-Auditoria: este é um evento opcional, realizado nas instalações do cliente e é incluído na proposta apenas a pedido do próprio cliente. Isso porque a organização a ser auditada pode desejar conhecer com antecedência os auditores que farão parte do seu processo de certificação, bem como é realizada uma auditoria externa pela LHS. Além disso, a Pré-Auditoria fornece um relatório detalhando desvios de atendimento aos requisitos normativos e aos critérios da própria organização auditada, permitindo a realização de ajustes necessários antes mesmo da realização dos eventos Fase 1 e Fase 2.

 

  • Auditoria Fase 1: é obrigatória e deve ser realizada nas instalações do cliente. Ela é conduzida para:

  1. Auditar a documentação do sistema de gestão do cliente;

  2. Avaliar a localização do cliente e as condições específicas do local, discutindo com o cliente o grau de preparação necessário para a auditoria Fase 2;

  3. Analisar a situação e a compreensão do cliente quanto aos requisitos da norma, em especial com relação à identificação de aspectos-chave ou significativos de desempenho, de processos, de objetivos e da operação do sistema de gestão;

  4. Coletar informações necessárias em relação ao escopo do sistema de gestão, processos e localizações do cliente, aspectos legais relacionados e o respectivo cumprimento;

  5. Analisar a alocação de recursos para a auditoria fase 2 e acordar com o cliente os detalhes da auditoria fase 2;

  6. Permitir o planejamento da auditoria fase 2, obtendo um entendimento suficiente do sistema de gestão do cliente e do seu funcionamento no local;

  7. Avaliar se as auditorias internas e a análise crítica pela direção estão sendo planejadas e realizadas, e se o nível de implementação do sistema de gestão comprova que o cliente está pronto para a auditoria fase 2.

 

O intervalo máximo entre as auditorias Fase 1 e Fase 2 é de 90 dias. As mesmas não podem ser realizadas sem intervalo.

 

  • A auditoria Fase 2 é uma avaliação amostral para verificação da implementação e efetividade de todo o sistema de gestão, realizada com base no nível de verificação adequado para a organização, com o objetivo de avaliar a conformidade com a norma. Após a conclusão com êxito, serão emitidos os certificados contratados. A manutenção da certificação será avaliada durante as Auditorias de Monitoração.

 

  • Emissão dos certificados: Após conclusão das etapas anteriores, tendo a empresa auditada eliminado qualquer pendência de forma satisfatória, a LHS emitirá os certificados conforme estabelecido no Objeto dos Serviços (Proposta/Contrato). A LHS publicará as seguintes informações dos seus clientes certificados: nome da organização, norma certificada, escopo e locais, incluindo as filiais (se aplicável). Todas as outras informações serão tratadas de forma confidencial e somente poderão ser divulgadas com a autorização por escrito da organização certificada.

 

  • Auditorias de monitoração: são auditorias no local, mas não são necessariamente auditorias completas do Sistema de Gestão do cliente. O objetivo dela é garantir que a LHS possa manter a confiança de que o sistema de gestão certificado do cliente continua a atender aos requisitos entre as auditorias de recertificação. Cada monitoração deve respeitar o ciclo de auditoria, que se inicia no último dia da auditoria Fase 2 e tem duração de 3 anos. As auditorias de monitoração devem ocorrer no máximo 12 meses e 24 meses após o último dia da certificação. No caso de não conformidades críticas, serão realizadas reauditorias de acompanhamento.

 

  • Recertificação: Antes do término do período de validade do certificado, a empresa necessita realizar a sua Recertificação, que será objeto de outro contrato. A Auditoria de Recertificação deverá ser realizada dentro da validade do certificado e com prazo suficiente para a solução e conclusão de possíveis não conformidades detectadas durante o processo de certificação, antes da expiração da validade do mesmo.

 
 
 
 
 
 
lhs-certificadora

Sede Fortaleza

Rua João Carvalho, 800, Sala 101

Aldeota - Fortaleza (CE)

+55 (85) 3393.5844

  • Facebook Clean

/lhscertificadora